A “dupla feat.” ou a produção musical difusa/ confusa da pós-modernidade

Imagem: Divulgação/site oficial

Alexander Delgado e Randy Malcolm integram a cubana Gente de Zona. Imagem: Divulgação/site oficial

Se você conhece um pouco da produção musical de outros países latinos – lembremos e lamentemos que, para muitos, “música latina” é música não feita no Brasil… -, em especial a contemporânea, já deve ter conhecido a dupla cubana Gente de Zona, formada por Alexander Delgado e Randy Malcom. E, com eles, você conheceu inúmeros outros músicos, não é mesmo?! É “feat” pra lá, “feat” pra cá…
Tem dúvida? Faça um teste rápido: troque de aba e pesquise “Gente de Zona” no Youtube ou mesmo no Google. Enrique Iglesias, Marc Anthony, Juan Magan, Pitbull e Los del Rio (os mesmos do “êêê Macarena”) são rapidamente destacados por parcerias com os cubanos. Curiosamente (e ironicamente), um dos primeiros videoclipes encontrados nas buscas sobre a dupla que não possui “feat” é o da música “Algo contigo”… Continuar lendo

Anúncios

Com 40 anos de carreira, Stress gravará videoclipe em show no próximo domingo (16)

Foto: Divulgação

Paulo Gui, Chamon e “Bala”, a atual formação do Stress. Foto: Divulgação

13 de novembro de 1982. Era noite de sábado e as imediações do estádio do Paysandu Sport Club, o Leônidas Sodré de Castro, mais conhecido como Estádio da Curuzú, localizado na travessa de mesmo nome com a Avenida Almirante Barroso, em Belém, estavam bastante movimentadas. A excitação e ansiedade pareciam ser visíveis, como me foi contado; tratava-se de uma noite histórica na cidade. Não, caro leitor, não era dia de alguma importante partida de futebol. Era dia de festa, de show da banda Stress, que lançava disco homônimo naquela noite. Continuar lendo

Música da América Latina em alguns clicks

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

No processo de “aceleração e compressão do tempo e do espaço”, marcas da contemporaneidade, o mundo parece cada vez mais “encolher”. Deste modo, o acesso e desenvolvimento de diversos produtos artísticos se torna muito mais simples e possível de ser feito em poucos clicks. A música pulveriza-se e, em poucos minutos, uma canção pode rodar o planeta.

Levando isto em conta, resolvi reunir três sites que apresentam e disponibilizam notícias, programas de rádio e downloads gratuitos de música alternativa – e muitas vezes “independente” – da América Latina. As “dicas” podem ser úteis tanto para quem quer conhecer novas canções ou mesmo para “iniciados” na música contemporânea do continente.

Continuar lendo

Pelo bem, pelo mal, Oswald Canibal

Reprodução

Imagem: Reprodução/videoclipe Oswald Canibal 

Há mais de um ano, mais precisamente em 13 de março de 2014, enviei um e-mail ao professor, pesquisador e músico Henry Burnett. O e-mail também era dirigido a Victória Costa, da produtora Fóton Filmes, e a Adriana Camarão, da empresa MCubo. Seu conteúdo, aparentemente simples, carregava em suas linhas, mais que um convite, uma proposta ousada: a produção de um videoclipe de alguma música de Henry.
Como esperado, a ideia de pronto foi aceita com entusiasmo por todos. De início, a sugestão era a canção Oswald Canibal, minha favorita. Outras, no entanto, chegaram a ser cogitadas e planejadas; pareciam ter preferência. Entretanto, quis o destino – e não somente eu – que, por algumas questões, a escolhida pela maioria no final das contas fosse mesmo Oswald Canibal. Continuar lendo

Bregas serão enredo da websérie “Sampleados”

Fonte: Reprodução

Fonte: Reprodução

Músicas de brega, tecnobrega e histórias de vida. O diálogo, aparentemente inusitado, será a base da websérie Sampleados, que será lançada ainda este semestre.
Ao todo, serão cinco episódios com enredo independente, que apresentam histórias que trazem o mesmo conceito do curta metragem Encantada do Brega, que fez grande sucesso durante o final do ano passado. Transitando entre os gêneros comédia e drama, a produção terá como trilha mash-ups de bregas antigos e atuais. Continuar lendo

ENTREVISTA | Henry Burnett

henry burnett

Foto: Marina Cavalcante

Henry Burnett nasceu em Belém do Pará em 1971. Pós-doutor em Filosofia, viveu na capital paraense até os 27 anos. Morou em Campinas, Rio de Janeiro, São Paulo e atualmente reside em São José dos Campos/SP, onde é professor na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Henry também é músico e ao longo de mais de 20 anos de trabalho como compositor desenvolveu uma identidade musical que resulta tanto da vivência de sua cidade natal quanto das informações da tradição do cancioneiro popular brasileiro.
Em janeiro, fiz uma pequena entrevista com Burnett por conta das “comemorações”(?) sobre os 399 anos de Belém. Apenas cinco perguntas, mas que servem de provocações e reflexões a partir de suas impressões. Abaixo reproduzo a entrevista completa. Confira: Continuar lendo

Doze canções para (ou sobre) Belém

belem

Foto: Cezar Magalhães.

Belém, 399 anos. Para o aniversário desta senhora linda, mas mal cuidada, tal qual uma viúva que repentinamente se vê sem amores verdadeiros que possam (e queiram) cuidar de si, selecionei doze canções. Na verdade, quinze, considerando mais três que não são paraenses, mas poderiam ser, como é possível notar ao ouvi-las. Continuar lendo